Mulher traída escreve carta para a amante do ex-marido para superar traição

A descoberta de uma traição pode ser uma das piores coisas de toda a vida, imaginar que a pessoa em quem você mais confiou traiu a sua confiança sem hesitar é realmente complicado. A traição é em todos os seus sentidos “horrível”, difícil de superar e na maioria dos casos leva ao fim do relacionamento.

Foto:Reprodução

É raro uma pessoa perdoar a traição porque geralmente o sentimento inicial é raiva, não conseguimos aceitar o fato e muitas vezes a pessoa traída entra em depressão. Carlie Maree, uma escritora australiana foi traída e para piorar tudo, foi informada dessa traição via e-mail.

Foto:Reprodução

Foi a própria amante de seu ex-marido que enviou o e-mail explicando detalhadamente como ela era traída, como os dois faziam para se encontrar e outros detalhes. Após isso é claro que o casamento chegou ao fim e um ano depois relatou tudo em seu blog pessoal.

Foto:Reprodução

Carlie explicou ao Daily Mail Austrália que o marido não queria mais nada com a amante depois de um longo ano saindo com ela. Então a mulher decidiu se vingar enviando o e-mail com todas as informações possíveis das traições.

Porém, a escritora ressaltou que mesmo com a carta sendo destinada a amante, não queria nenhum mal para ela, a escrita estava sendo como um remédio para poder seguir em frente na vida. Na carta Carlie fala sobre todas as coisas que aconteceram após a descoberta da traição.

Pergunta diretamente para a mulher que se acha ser uma “vingadora”, se ela teria pensado no que iria acontecer após enviar aquele e-mail, se ela imaginou que mudaria a vida de muitas pessoas com um simples clique no botão enviar. Diz que o e-mail foi escrito para causar dor, que ela sabia exatamente o que dizer para destruir completamente os sentimentos de uma mulher traída por seu marido, fazendo menção a quantidade de detalhes que o texto tinha.

Relembra também os problemas familiares e em nenhum momento fala com tom de ameaça ou aponta culpados para o que aconteceu. Ainda diz que sua filha possui uma amiguinha com o mesmo nome da traidora e sempre que escuta o nome, fica triste, se sente abalada, mas no fundo fica feliz por sua amada filha estar se divertindo e não estar se referindo a amante.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*