La Casa de Papel, um seriado fantástico

Basta você ter uma conta na NetFlix e poderá assistir esse seriado onde e quando quiser.

Foto:Reprodução

 

Conheça algumas curiosidades no seriado La Casa de Papel

Nomes de cidades

Os formadores da quadrilha liderada pelo professor não se comunicam usando nomes próprios. Cada um escolhe para si o nome pertencente a uma cidade. Sendo assim, a quadrilha do professor era formada por Oslo, Helsinque, Tóquio, Denver, Nairóbi, Moscou, Berlim e Rio.

Além disso, até o nome dos planos que eles iriam concretizar receberam nome de cidades como Chernobil e Valencia. Quem também não reparou que até o bar em que algumas cenas acontecem se chama Bar Hanói?

Título da série poderia ter sido outro

Foto:Reprodução

Engana-se quem acredita que desde o início o seriado se chamava La Casa de Papel. Os produtores dessa série que caiu no gosto do povo, inicialmente iriam se chamar Los Desahuciados, que na tradução livre significa “Os Desalojados”.

Clássica Inspiração

Foto:Reprodução

Tóquio era dotada de um visual próprio. Esse visual foi inspirado em um filme clássico chamado “Luc Besson O Profissional”. Foi Mathilda, interpretada pela atriz Natalie Portman no filme clássico que serviu de inspiração para o visual sofisticado de Tóquio.

Papel Jornal

Dinheiro de “mentirinha” é algo abundante em La Casa de Papel. Em muitas cenas os fãs do seriado presenciaram eles imprimindo quantidades enormes de dinheiro. Obviamente nenhum deles tiveram acesso a produção de dinheiro real e a maior parte do dinheiro visto nas filmagens era fabricados através de papel de jornal.

E você, já está assistindo La Casa de Papel online? Gostou de saber das curiosidades? Que tal compartilhar com seus amigos!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*