4 vezes em que os brasileiros superaram os limites e fizeram comentários melhores que as próprias postagens

As redes sociais estão aí e constantemente nos deparamos com algumas postagens incríveis que contam com comentários ainda mais incríveis. Parece impossível, mas se tratando dos brasileiros, tudo é possível. Quem nunca viu aquela publicação que rendeu boas risadas enquanto navegava tranquilamente no Facebook?

Hoje trouxemos alguns desses posts que ficaram “famosos” por terem uma resposta surpreendente. Confira a lista logo abaixo:

1 – É a lei da vida, sempre tem espaço para mais um

Foto:Reprodução

A publicação do G1 explicava que uma cela em uma delegacia de SC foi construída apenas para três presos, porém, existiam 17, cinco vezes mais do que a capacidade total. O comentário de um internauta foi surpreendente, segundo o jovem, se tem 17, cabem 17.

2 – Jezz jogou verde e expôs a maior verdade da humanidade

Foto:Reprodução

Um internauta estava evidentemente muito nervoso com o DETRAN, provavelmente perdeu algum dinheiro por causa dele e resolveu demonstrar sua insatisfação perguntando se existia algum “órgão” capaz de tirar mais dinheiro do que o DETRAN. Boris não contava com a criatividade de Jezz, o rapaz foi curto e grosso, sem muitas palavras, explicou apenas com uma simples imagem que já diz tudo.

3 – Brasileiro já nasce formado em piadas

Foto:Reprodução

Na foto onde a mulher mais alta do planeta, com seus 2,06 metros, aparece ao lado de seu namorado que por sinal é baixinho, 1,62 metros, ninguém esperava por uma piada genial vinda de um internauta. Segundo ele, o rapaz nem mesmo chama sua namorada de “rainha”, já usa logo o termo “alteza”, ironizando o tamanho da jovem. Brasileiro perde tudo, só não perde a graça.

4 – Enrico pode ter toda a razão

Foto:Reprodução

Enrico é um jovem muito perfeccionista, ele gosta das coisas como devem ser e ao ver que o Exército Brasileiro iria sair pelas ruas para combater o Aedes Aegypti, ficou indignado por não ser a Marinha e a Força Aérea no controle da situação. Segundo o rapaz, enquanto o mosquito for uma larva, a Marinha é quem teria que tomar conta e quando ele crescesse e começasse a voar, a Força Aérea é quem deveria colocar fim aos pestinhas.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*